quinta-feira, 20 de novembro de 2008

O Tempo das coisas...


Dê um tempo!
Estou sem tempo.
Preciso de tempo.
Dê tempo ao tempo.
Ainda está em tempo!
Será que sabemos realmente o que representa o tempo em nossas vidas?
Já que o mesmo escorre por nossas mãos?

2 comentários:

Anônimo disse...

É verdade, o tempo é mesmo frágil.

E pensamos te-lo em nossas mãos.

Abraços, Edu Chaves

mago disse...

o tempo escorre nos dedos